terça-feira, 16 de abril de 2013

Todos os dias prometo a mim mesma que me vou começar a deitar mais cedo. Todos os dias, enquanto amaldiçoo o facto dos dias de trabalho não começarem só a partir das 10h00, eu juro que vou para a cama cedo. Todos os dias, e olhem que eu até sou daquelas que mal abre os olhos está apta a funcionar a 100%, eu sinto as minhas células a morrer numa apoptose colectiva por causa do horário madrugador. Todas as noites arranjo qualquer merda para me entreter, toda a santa noite vejo as horas a passar e a preguiça de ir tomar banho a aumentar, todas as noites invento mais uma máquina de roupa para estender ou mais uma coisinha para arrumar ou mais o caralho para limpar. Só sou pastelona com o meu Caetano e mesmo assim acho que ele faz algumas tentativas de me encontrar um botão de desligar durante o forrobodó. Devia começar a fumar uma broca lá pelas 20h00.

8 comentários:

Snail disse...

Lexotan!

blackstar disse...

Ele tentar desligar-te durante o forrobodo parece-me uma cena espetacular! :D

Arisca disse...

Snail, é uma hipótese.

Blackstar!!!!!!! Há quanto tempo! :) Só agora é que percebi que a frase podia ser interpretada noutro sentido. :p

pastora disse...

dormias que nem uma anja!

Maria do Mar disse...

tiraste-me as palavras da boca, na tua resposta à blackstar! e olha que considero a minha mente algo puritana, mas a escolha de palavras foi comprometedora :p

Arisca disse...

Pastora, eu ao fim de semana não durmo, por exemplo. Durante a semana é que me apetece, claro! É quando não posso!

Dani disse...

Desligar durante o forrobodo era coisinha para não gostar. Mais vale depois!

Arisca disse...

Dani, vocês são tramadas. Não era isso que queria dizer. O meu Caetano é que coiso tanto que um dia me encontra um botão de desligar. Não quer dizer que desligue durante o forrobodó! :p

Web Analytics